Mitos e Verdades sobre Bariátrica

Quando falamos em mitos e verdades sobre bariátrica, imediatamente nos deparamos com uma série de informações contraditórias. Por isso, é crucial distinguir o fato da ficção antes de tomar decisões. Frequentemente, pessoas com dúvidas sobre o procedimento carregam preconceitos. A cirurgia bariátrica, embora seja um caminho transformador, é frequentemente mal interpretada. Portanto, é essencial esclarecer os mal-entendidos mais comuns.

Mitos-e-Verdades-Sobre-Bariátrica

1. A cirurgia bariátrica é uma solução fácil para perder peso?

Mito. Primeiramente, devemos reconhecer que a cirurgia não é um atalho mágico. Em vez disso, ela é uma ferramenta que, aliada a mudanças consistentes no estilo de vida, pode trazer resultados. No entanto, se o paciente não adotar um estilo de vida saudável, há chances de reganho de peso.

2. O procedimento é extremamente arriscado?

Mito. Embora, como qualquer procedimento cirúrgico, tenha seus riscos, os avanços médicos minimizam tais riscos significativamente. Além disso, os profissionais de saúde sempre avaliam a aptidão do paciente para o procedimento.

3. Após a cirurgia, nunca mais poderei comer certos alimentos?

Mito. Depois da cirurgia, de fato, há restrições alimentares iniciais. No entanto, com o passar do tempo e seguindo orientações profissionais, muitos alimentos serão reintroduzidos com moderação.

4. É preciso seguir uma dieta rigorosa após a cirurgia?

Mito. A dieta pós-operatória foca nas necessidades nutricionais do paciente. Entretanto, mais do que rigor, busca-se um equilíbrio alimentar que sustente a saúde do paciente.

5. A perda de peso após a cirurgia é garantida e permanente?

Mito. Mesmo que a cirurgia facilite a perda de peso inicial, manter o peso a longo prazo requer esforço contínuo e compromisso.

6. Não é possível engravidar após a bariátrica.

Mito. Contrariando esse pensamento, a capacidade de engravidar pode até melhorar após o procedimento. Porém, é recomendado aguardar pelo menos 15 meses para considerar uma gravidez.https://www.sbcbm.org.br/gravidez-pos-cirurgia-bariatrica-saiba-quais-sao-as-recomendacoes/

7. A bariátrica leva a uma perda de peso excessiva e doentia?

Mito. Com a devida orientação, o paciente mantém um peso saudável, evitando perda extrema.

8. Só obesos mórbidos podem fazer a cirurgia?

Mito. Embora comumente indicada para obesos mórbidos, também pode ser aconselhada para IMCs menores em certas condições.

9. A cirurgia pode aliviar ou eliminar doenças graves, como diabetes e hipertensão.

Verdade. Muitos pacientes, de fato, observam melhoria ou remissão de algumas condições crônicas como diabetes tipo 2 e hipertensão após a cirurgia.

10. O álcool é um dos principais causadores do reganho de peso pós-cirurgia.

Verdade. O álcool, sendo caloricamente denso, pode impactar negativamente na manutenção do peso ideal. Evitar seu consumo excessivo é crucial.

 

Ao distinguir os mitos e verdades sobre bariátrica, conseguimos um panorama mais claro do que esperar do procedimento. É vital lembrar que o sucesso duradouro depende não apenas da cirurgia, mas também do esforço contínuo do paciente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima